ACRJ premia projetos que incentivam o desenvolvimento sustentável

237

A entrega do Prêmio ACRJ de Sustentabilidade reuniu empresários para congratular os projetos vencedores da 8ª edição da iniciativa da entidade. Os ganhadores deste ano nas categorias Grande Empresa; Média Empresa; e Micro/Pequena Empresa foram a Ernst & Young; a Companhia Caminho Aéreo Pão de Açúcar; e a Plantar Casas Comércio e Serviços, respectivamente. O Hospital Federal Cardoso Fontes (Média Empresa) e a PHL Brasil (Pequena Empresa) receberam menção honrosa por seus projetos.

A presidente da ACRJ, Angela Costa, ressaltou as ações de todas as empresas que enviaram seus projetos e participaram da 8ª edição do Prêmio. Segundo a presidente, essa iniciativa mostra que seguir o desenvolvimento sustentável traz benefícios às empresas. “Receber um prêmio como esse é um diferencial, porque comprova que os esforços das empresas são reconhecidos e servem de exemplo às outras organizações, reforçando que é possível seguir o caminho da sustentabilidade sem deixar de lado os resultados econômico-financeiros”, afirma Costa.

DSC_4320
Os troféus entregues às empresas vencedoras foram confeccionados pela Oficina de Cerâmica Negra da Maré, do Projeto Mulheres Ceramistas da Maré, realizado pela Ação Comunitária do Brasil. O programa social fica na comunidade Vila do João, no Complexo da Maré, região com um dos mais baixos índices de desenvolvimento humano da cidade do Rio, e reúne mulheres empreendedoras que se dedicam ao estudo e aplicação de técnicas primitivas de produção de cerâmica artística e decorativa

Já o presidente do Conselho Empresarial de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Haroldo Mattos de Lemos, lembrou da evolução do empresariado ao pensar nas questões ambientais. Lemos ressaltou ações sustentáveis que impactam o mundo empresarial atual e afirmou que, cada vez mais, gestões que trabalham com o desenvolvimento sustentável, trarão mais resultados em todos os níveis de uma empresa ou instituição.

DSC_4345
Cerimônia de entrega do Prêmio ACRJ de Sustentabilidade foi transmitida em tempo real pela Facebook da entidade.

Outro tema que foi abordado durante a cerimônia foram os 25 anos da ECO-92. A Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e o Desenvolvimento foi uma conferência de chefes de estado organizada pelas Nações Unidas e na cidade do Rio de Janeiro, há 25 anos. O presidente do Conselho Empresarial de Políticas Econômicas, embaixador Marcílio Marques Moreira, destacou o progresso da visão mundial e política do assunto a partir desta reunião. O ex-ministro lembrou que mais de 100 chefes de estado estiveram no Brasil para tratar de assuntos relacionados ao desenvolvimento sustentável.

O Prêmio é uma iniciativa do Conselho Empresarial de Meio Ambiente e Sustentabilidade e, também, do CE de Políticas Econômicas, que visa destacar as empresas que realizaram ações na área da sustentabilidade. Ele é destinado a todas empresas que atuam no estado do Rio de Janeiro, sendo concedido apenas após a análise dos critérios de avaliação pela Comissão Avaliadora, previstos no regulamento do prêmio.